Jetro Salazar vence a segunda etapa do BR de Motocross

Se o mau tempo impossibilitou a realização da corrida na categoria Elite durante a primeira etapa do Brasileiro de Motocross, o segundo round do nacional teve sim disputa na divisão que reúne os melhores pilotos em pista. E em grande estilo. O equatoriano Jetro Salazar (Honda Racing) largou entre os primeiros e assumiu a liderança logo na segunda volta, disparando na frente e mantendo o resultado até receber a bandeirada. A segunda etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross aconteceu neste final de semana, em Rancho Queimado (SC).

Equipe Honda Racing faturou importantes vitórias na segunda etapa do Brasileiro de Motocross. Foto: Gaspar Nóbrega/Mundo Press

Equipe Honda Racing faturou importantes vitórias na segunda etapa do Brasileiro de Motocross. Foto: Gaspar Nóbrega/Mundo Press

A corrida da Elite também foi válida como a segunda bateria da classe MX1 e, com o resultado, Salazar assume a terceira posição da classe das 450 cilindradas. “O objetivo foi atingido com a vitória na categoria Elite. A equipe está muito unida e focada para conquistar os títulos de 2018”, garantiu Salazar. Tão focada que também faturou a vitória nas categorias MX1 e MX2, com Hector Assunção e Gustavo Pessoa, respectivamente.

Hector Assunção (esquerda) levou o troféu na MX1, enquanto Jetro Salazar (direita) obteve a vitória na categoria Elite. Foto: Gaspar Nóbrega/Mundo Press

Hector Assunção (esquerda) levou o troféu na MX1, enquanto Jetro Salazar (direita) obteve a vitória na categoria Elite. Foto: Gaspar Nóbrega/Mundo Press

brasileiro-de-motocross-segunda-etapa-4Na primeira bateria da MX1, Assunção começou na frente, mas sofreu uma queda logo na segunda volta. O resultado final apontou Jetro Salazar em terceiro lugar e Assunção, após prova de recuperação, em quinto. O esforço valeu a pena, já que com o desempenho o piloto manteve a liderança da MX1. “O fim de semana não começou muito bem, eu machuquei o dedo nos treinos cronometrados, o que atrapalhou um pouco as corridas. Procurei não desanimar, mesmo depois de ter caído na primeira bateria, e fechamos a etapa com chave de ouro na corrida que reuniu os pilotos da Elite e também valeu pela MX1, com os dois pilotos Honda Racing nos lugares mais altos do pódio”, concluiu Assunção.

A próxima etapa do Brasileiro de Motocross será nos dias 5 e 6 de maio em Fama (MG)

Resultados – segunda etapa do Brasileiro de Motocross

Elite 
1 – Jetro Salazar
2 – Hector Assunção
3 – Carlos Campano
4 – Paulo Alberto
5 – Humberto Martin

MX1 (soma das duas baterias)
1 – Jetro Salazar
2 – Paulo Alberto
3 – Carlos Campano
4 – Hector Assunção
5 – Jean Ramos

MX2 (soma das duas baterias)brasileiro-de-motocross-segunda-etapa-1
1 – Gustavo Pessoa
2 – Fábio Santos
3 – Pepê Bueno
4 – Lucas Dunka
5 – João Pedro Ribeiro

Classificação do Brasileiro de Motocross após duas etapas

Elite 
1 – Jetro Salazar – 25 pontos
2 – Hector Assunção – 22 pontos
3 – Carlos Campano – 20 pontos
4 – Paulo Alberto – 18 pontos
5 – Humberto Martin – 16 pontos

MX1 
1 – Hector Assunção – 63 pontos
2 – Carlos Campano – 62 pontos
3 – Jetro Salazar – 60 pontos
4 – Paulo Alberto –57 pontos
5 – Jean Ramos – 51 pontos

MX2 (soma das duas baterias)
1 – Gustavo Pessoa – 75 pontos
2 – Pepê Bueno – 62 pontos
3 – Lucas Dunka – 54 pontos
4 – Fábio Santos – 47 pontos
5 – Leandro Davids – 31 pontos

separador_motocross

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *