Mais potente, Ninja ZX-10R SE 2020 chega por R$ 95.990

A Kawasaki confirmou a chegada da nova Ninja ZX-10R SE às concessionárias a partir da primeira quinzena de setembro nas cores cinza metálico Carbon, cinza metálico Flat Platinum e verde Lime, com preço sugerido de R$ 95.990. O modelo foi desenvolvido com base na moto usada pela equipe oficial da Casa de Akashi do Mundial de SuperBike.

Uma das principais novidades da máquina está no ganho de performance, obtido por conta de mudanças no sistema de ação das válvulas, entre outras atualizações. Agora a moto tem potência máxima de 213 cv a 13.500 rpm, contra 210 cv a 13.000 do modelo anterior, e torque máximo de 11,7 kgf.m alcançado a 11.200 rpm, ante 11.500 rpm da antiga.

Ninja ZX-10R SE chega às lojas na primeira quinzena de setembro (Divulgação)

Veja também:
Triumph apresenta exclusiva Daytona Moto2 765 Limited Edition
YZF-R3: pequena esportiva surpreende até pilotos profissionais
Kawasaki Ninja ZX-6R: melhorada e sem concorrência

O controle eletrônico de suspensão KECS também está disponível na nova Ninja ZX-10R. Desenvolvido em parceria com a Showa, ele adiciona amortecimento controlado eletronicamente na dianteira e na traseira em um sistema semi-ativo que adapta em tempo real as condições do trajeto e da condução à quantidade ideal de amortecimento para cada momento.

Combinando componentes mecânicos desenvolvidos para competição com a mais recente tecnologia de controle eletrônico, o KECS oferece a flexibilidade para lidar com uma ampla gama de situações de condução em ruas e estradas e o firme amortecimento necessário para a pilotagem em pista. Outro ponto de destaque é que com o novo controle de suspensões os pneus são beneficiados, aderindo melhor ao piso e proporcionando maior confiança, especialmente em curvas.

Composto por apenas sete peças, o quadro da moto conta com vigas duplas que traçam uma linha direta do canote até a articulação da balança traseira, entregando um comportamento linear e maior controle ao piloto, dando mais estabilidade.

Modelo conta com recursos desenvolvidos pela equipe da Kawasaki do WorldSBK (Divulgação)

A Ninja ZX-10R conta com garfo Showa Balance Free de 43mm na suspensão dianteira, enquanto a suspensão traseira possui amortecedor Showa BFRC lite, que contribuem para maior estabilidade nas frenagens. Ambos possuem ajustes dos amortecimentos de compressão, retorno e pré-carga de mola.

Falando em frenagem, o sistema Brembo da nova Kawasaki usa dois discos semiflutuantes de 330 mm e 5,0 mm de espessura. Pinças monobloco duplas de fixação radial de alumínio fundido M50 seguram os dianteiros. As pinças de quatro pistões opostos altamente rígidas com pistões de 30 mm contribuem para um melhor desempenho na frenagem. Já o freio traseiro possui um disco de 220mm com uma pinça de pistão simples.

Preço sugerido da Ninja ZX-10R SE é de R$ 95.990 (Divulgação)

O amortecedor de direção eletrônico foi desenvolvido em conjunto com a Öhlins, fornecedndo apenas a quantidade de amortecimento baseado no que a motocicleta está executando. Por meio de dados do sensor de velocidade da roda traseira, a ECU do amortecedor eletrônico de direção determina a velocidade do veículo, bem como o grau de aceleração ou desaceleração da motocicleta.

Além das atualizações no motor, a nova Ninja ZX-10R SE possui quick-shifter bidirecional, controle de tração, de largada, sistema de freios ABS com sistema anti-travamento,  pintura de alta durabilidade e rodas forjadas Marchesini.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *