Welcome to Evently

Lorem ipsum proin gravida nibh vel veali quetean sollic lorem quis bibendum nibh vel velit.

Evently

Stay Connected & Follow us

Simply enter your keyword and we will help you find what you need.

What are you looking for?

Good things happen when you narrow your focus
Welcome to Conference

Write us on info@evently.com

Follow Us

  /  fique ligado!   /  Royal Enfield seleciona mulheres para um grande desafio

Royal Enfield seleciona mulheres para um grande desafio

A Royal Enfield do Brasil está trazendo para o país o programa de Flat Track (corrida em pista oval de terra batida) Buld Train Race (BTR), lançado nos Estados Unidos ano passado.

O projeto tem como objetivo atrair motociclistas mulheres para o mundo da customização e pilotagem em competições e demonstrações de Flat Track pelo Brasil.

A brasileira Bruna Wladyka com a moto que experimentou nos Estados Unidos.(Divulgação)

Veja também:
Yamaha MT-07 aguça os sentidos a preço justo
Royal Enfield pode lançar Scrambler de 650 cm³
Royal Enfield inaugura sua 10ª loja no Brasil

O BTR selecionará quatro mulheres que depois de enviar um vídeo de apresentação mostrando suas habilidades como pilotas e customizadoras para se encaixar no projeto.

O grupo de jurados (painel) será composto por pessoas importantes da Royal Enfield, são eles: Breeann Poland – Chefe de Marketing da plataforma Continental GT para América e Global Brand Manager, Adrian Sellers – Group Manager Custom Build, Aanoor Padley, Global Brand Manager Interceptor e Clevir Coleto, Gerente de Marketing Brasil.

Interceptor 650 é a moto a ser customizada ao estilo Flat Track para o programa BTR da Royal Enfield (Divulgação)

As três participantes selecionadas passarão por um programa de três fases: a primeira é a customização de uma Royal Enfield Interceptor 650 para Flat Track; a segunda treinar na pista com o piloto norte-americano da modalidade Johnny Lewis e, por último participar de provas e demonstrações Brasil afora.

As três participantes se juntarão à Bruna Wladyka que, por ter sido convidada a participar da edição norte-americana para substituir uma concorrente e ter conhecido o projeto in loco,   ajuda a Royal Enfield na edição brasileira do projeto.

Versões vencedoras do programa BTR norte-americano (Divulgação)

A Royal Enfield dará apoio financeiro para a customização da Interceptor 650 de cada participante, que por sua vez também poderá solicitar ajuda e patrocínio de terceiros em seus projetos.

Portanto, se você é uma mulher motociclista que gosta de projetar mudanças em suas motos, se garante na pilotagem e quer aprender uma modalidade esportiva muito divertida, esta é sua chance. Programe-se para enviar seu vídeo de até três minutos para: https://apply.myinterview.com/royal-enfield-1/pilota_built-train-race.

A brasileira Bruna Wladyka, do Elas Pilotam, participou do BTR nos Estados Unidos (Divulgação)

Acompanhe a MOTOCICLISMO também pelas redes sociais!
– Instagram – Facebook – YouTube – Twitter

No vídeo você vai responder a uma série de perguntas e explicar por que deseja e deveria participar do projeto, os vídeos já podem ser enviados, a data limite é dia 30 de setembro.

A chefe de marketing da Royal Enfield Americas, Breeann Poland, comentou sobre o entusiasmo da marca em trazer o programa BTR ao Brasil. “Tivemos grande sucesso com o programa nos Estados Unidos, era justo trazê-lo para o Brasil e uma forma original de mostrar as possibilidades e o desempenho da Interceptor 650”, diz a executiva.

Que bom que o Brasil está recebendo uma ação como esta! E você pode acompanhar o andamento da seleção pelo link:
https://www.royalenfieldna.com/brazil-build-train-race/

Post a Comment