Welcome to Evently

Lorem ipsum proin gravida nibh vel veali quetean sollic lorem quis bibendum nibh vel velit.

Evently

Stay Connected & Follow us

Simply enter your keyword and we will help you find what you need.

What are you looking for?

Good things happen when you narrow your focus
Welcome to Conference

Write us on info@evently.com

Follow Us

  /  fique ligado!   /  Produo de motos atinge melhor resultado do ano em setembro

Produo de motos atinge melhor resultado do ano em setembro


Foto: Gabriel Carvalho/MOTO.com.br

O mês de setembro foi positivo para a produção de motos no Brasil. Segundo os números divulgados pela Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares (Abraciclo) foram produzidas 105.046 unidades no Polo Industrial de Manaus, alta de 6,8 % em comparação com agosto, quando o total foi de 98.358 unidades.

Em relação a setembro de 2019, a alta é de 13,1%. Além disso, o nono mês do ano representa o melhor resultado de 2020 até o momento, superando o número de março, quando foram produzidas  102.865 unidades.

“A produção de motocicletas foi fortemente impactada no período mais crítico da pandemia, e os números comprovam isso. No entanto, desde a retomada gradual das atividades, as fábricas registram curva ascendente. Este quadro se confirmou em setembro, quando alcançamos o melhor resultado do ano”, disse Marcos Fermanian, presidente da Abraciclo.

No acumulado de janeiro a setembro, porém, o cenário segue negativo: a produção chegou a 693.541 unidades, 17,1% a menos do que no mesmo período de 2019, quando o total chegou a 836.450 unidades.

Neste cenário, a Abraciclo revisou a projeção para 2020, estimando que a produção de motos no Brasil vai alcançar 937 mil unidades em 2020. O novo número representa uma queda de 15,4% em relação ao total de 2019, que ficou em 1.107.758 unidades. A previsão apresentada em janeiro era de 1.175.000 unidades. O principal fator para a queda, como era de se esperar, é a pandemia da covid-19, que fez com que as fábricas colocassem as respectivas operações em pausa.

Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Post a Comment