Welcome to Evently

Lorem ipsum proin gravida nibh vel veali quetean sollic lorem quis bibendum nibh vel velit.

Evently

Stay Connected & Follow us

Simply enter your keyword and we will help you find what you need.

What are you looking for?

Good things happen when you narrow your focus
Welcome to Conference

Write us on info@evently.com

Follow Us

  /  fique ligado!   /  Intenção de compra de motos cresce 40%, diz estudo

Intenção de compra de motos cresce 40%, diz estudo

Mais brasileiros estão com a intenção de comprar uma moto, seja para deslocamento urbano ou para usá-la como ferramenta de trabalho. Ao menos é o que sugere um levantamento feito pela unidade de veículos, imóveis e serviços do Mercado Livre, uma das principais plataformas de marketplace do país.

A empresa apurou um crescimento de 40% na intenção de compras de motocicletas em sua plataforma no Brasil, contra 35% em toda a América Latina. A avaliação foi feita com base no comportamento dos usuários entre os meses de março a novembro de 2020.

Intenção de compra de motos cresce 40%, diz estudo
Honda Biz 125 figura entre as motocicletas mais pesquisadas (Christian Castanho)

Veja também:
Kawasaki confirma presença no Salão Duas Rodas 2021
Após recorde, Royal Enfield confirma novas lojas no Brasil
BMW, H-D e Triumph têm condições especiais em janeiro

De acordo com o levantamento, a preferência dos internautas motociclistas é por motos de baixa cilindrada. No Brasil, houve um crescimento de 86% na intenção de compras de motos de até 125 cm³ no período do estudo, enquanto modelos de 125 cm³ a 250 cm³ receberam 58% a mais de atenção dos consumidores. Segundo a pesquisa, a motocicleta mais buscada na plataforma foi a Honda CG 150 Titan, seguida por outros modelos da marca das Asas da Liberdade, como CG 125 Fan, Biz 125, XRE 300 e CB 300.

Intenção de compra de motos cresce 40%, diz estudo
Honda CG 125 Fan é uma das motos mais pesquisadas no Mercado Livre (Divulgação)

Luis Paulo dos Santos, Diretor do Marketplace de Veículos, Imóveis e Serviços do Mercado Livre, considera que a grande evolução dos serviços de delivery durante o período de distanciamento social contribuiu para esse resultado. “Grande parte dos motoboys e entregadores utilizam esse tipo de motocicleta, principalmente pela praticidade e custo-benefício, visto que são mais econômicas por consumirem menos combustível que os modelos de alta cilindrada”, comenta o executivo.

Intenção de compra de motos cresce 40%, diz estudo
Intenção de compra de motos nas principais capitais brasileiras teve crescimento de 50%, segundo o estudo do Mercado Livre (Renato Durães)

Acompanhe a MOTOCICLISMO também pelas redes sociais!
– Instagram – Facebook – YouTube – Twitter

Nas principais capitais brasileiras, houve um incremento de 50% na intenção de compra de motos. Em contrapartida, o crescimento em cidades do interior foi menor, apenas 35%, “Muitos consumidores das capitais estavam em busca de um novo meio de locomoção pela cidade, em detrimento ao transporte público, que oferece altos índices de contágio do novo coronavírus. O custo-benefício também reflete na tomada de decisão de compra, pois a pandemia afetou diretamente a renda da população”, complementa Luis Paulo.

Post a Comment