Welcome to Evently

Lorem ipsum proin gravida nibh vel veali quetean sollic lorem quis bibendum nibh vel velit.

Evently

Stay Connected & Follow us

Simply enter your keyword and we will help you find what you need.

What are you looking for?

Good things happen when you narrow your focus
Welcome to Conference

Write us on info@evently.com

Follow Us

  /  fique ligado!   /  Benavides segue na frente a uma etapa do fim; Barreda abandona

Benavides segue na frente a uma etapa do fim; Barreda abandona


Foto: Honda/Divulgação

O Dakar 2021 está na reta final. Nesta quinta-feira (14), a caravana do maior rali de regularidade do mundo disputou a 11ª e penúltima etapa, entre Al-Ula e Yanbu, na Arábia Saudita. Pelas motos, mais um abandono marcou a etapa desta quinta-feira: Joan Barreda, da Honda, deixou a prova após não parar no abastecimento obrigatório e ter uma pane seca, ficando pelo caminho.  

Após a falta de combustível, o piloto da Honda pediu para ser examinado no centro médico da caravana e, alegando problemas em decorrência da queda sofrida há dois dias, abandonou o Dakar 2021. 

A penúltima etapa da competição foi vencida por Sam Sunderland, da KTM, que passa a ser o segundo colocado na classificação geral da categoria. O líder segue sendo Kevin Benavides, da Honda, que tem quatro minutos de vantagem sobre Sunderland.  

O atual campeão da prova entre as motos, Ricky Brabec, é o terceiro, a sete minutos do companheiro de equipe. Salvo uma etapa final repleta de reviravoltas, os três primeiros são os pilotos que lutarão pelo título – Daniel Sanders, da KTM, é o quarto colocado, mas está a mais de 33 minutos do líder. 

Nos UTVs, Francisco Lopez Contardo e Juan Pablo Latrach terminaram a etapa desta quinta na segunda posição, resultado suficiente para a dupla manter pouco mais de 18 minutos de vantagem sobre Austin Jones e o brasileiro Gustavo Gugelmin.

Se o duo composto pelo norte-americano e pelo brasileiro tem uma vantagem significativa para descontar e precisam de um dia ruim dos líderes para vencer, o segundo lugar parece consolidado, já que eles têm mais de 30 minutos de vantagem sobre Aron Domzala e Maciej Marton. Reinaldo Varela e Maykel Justo mantiveram a quinta posição geral, que parece garantida se a dupla brasileira terminar a prova.

Nos carros, Stéphanhe Peterhansel e Edouard Boulanger terminaram em segundo, perto dos vencedores da etapa e vice-líderes, Nasser Al-Attiyah e Matthieu Baumel. Peterhansel e Boulanger vão para a especial final com mais de 15 minutos de vantagem e precisam apenas administrar o resultado para vencer.

Pelos quadriciclos, Manuel Andujar vai para o último dia com 25 minutos de vantagem sobre Giovanni Enrico. Nos caminhões, só um desastre tira a vitória de Dmitry Sotnikov, Ruslam Akhmadeev e Ilgiz Akhmetzianov, que possuem 39 minutos de vantagem sobre Anton Shibalov, Dmitrii Nikitin e Ivan Tatarinov.

Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Post a Comment