Welcome to Evently

Lorem ipsum proin gravida nibh vel veali quetean sollic lorem quis bibendum nibh vel velit.

Evently

Stay Connected & Follow us

Simply enter your keyword and we will help you find what you need.

What are you looking for?

Good things happen when you narrow your focus
Welcome to Conference

Write us on info@evently.com

Follow Us

  /  fique ligado!   /  Yamaha lança nova 125… fora dos planos ao Brasil

Yamaha lança nova 125… fora dos planos ao Brasil

A Yamaha acaba de apresentar sua nova moto. É uma 125 moderna, com motor arrefecido a líquido, alto nível de acabamento e design retrô-moderno, uma legítima XSR – e a menor delas, aliás. Surge assim a XSR 125.

Veja também:

XSR 125 é a novidade da Yamaha para a baixa cilindrada… na Europa

Desenvolvido ao mercado europeu, o modelo não deve chegar tão cedo por aqui. Ela é baseada nas naked e esportiva MT 125 e R125, assim como a ‘irmã asiática’ XSR 155, à venda desde 2019, adota a plataforma das MT 15 e R15 das lojas orientais.

XSR: Yamaha lança nova 125

Nós falamos da XSR 125 há poucas semanas aqui no Motonline. Na ocasião, a Yamaha estava registrando a versão final do projeto, mostrando especificidades técnicas mas ainda não havia divulgado imagens do produto que chegaria às concessionárias. Então prevemos que ela teria design próximo ao da 155 – e acertamos.

Motor de 124 cm³, com VVA, arrefecido a líquido, novidade rende 15 cv – potência limite para licença A1. Ou seja, mira especialmente nos motociclistas iniciantes

O motor é compartilhado com as MT e R. Trata-se de um monocilíndrico, de 124 cm³, arrefecido a líquido, com sistema de atuação variável das válvulas (VVA), com duas válvulas e entrega 15 cv, potência limite para a categoria A1 europeia, a 10.000 rpm. Já o torque é de 1,5 kgf.m a 8.500 rpm. O câmbio é de seis velocidades.

De bom gosto, painel é totalmente digital e em LCD

A tecnologia está presente em diferentes áreas. A suspensão dianteira é invertida, o painel (redondo) em LCD e o farol e lanterna traseira adotam LED. Para dar um ar quase scrambler ao projeto, os pneus são de uso misto. Os freios ABS contam com discos simples de 267 mm na frente e 220 mm na traseira.

Estilo XSR numa proposta compacta

Já o design, claro, remete às irmãs maiores da família, XSR 700 e XSR 900. O visual contrasta elementos modernos, como o quadro com sub-chassi exposto, com linhas vintage. O tanque lembra o clássico estilo de gota, enquanto o banco adota o formato ‘tuck and roll’, com um segundo nível descreto e marcado por costuras transversais.

Estilo clássico divide espaço com engenharia moderna, como manda a regra da família XSR

Como sua proposta é urbana, cruzando cidades com estilo e relativo conforto, a Yamaha também preocupou-se com as dimensões da moto. Com 1.960 mm de comprimento e 1.330 mm de entre eixos (pouco menores que os números da Fazer 150), promete agilidade. O conjunto pesa 140 kg em ordem de marcha e o consumo é estimado em 47 km/litro.

Não confunda. Esta é a XSR 155, à venda na Ásia

Nova Yamaha 125: preço e venda

A nova Yamaha desembarca nas concessionárias até o final de junho de 2021. Seu preço varia entre os diferentes países do continente europeu, mas gira em torno de 5 mil Euros – algo na casa dos R$ 31 mil, considerando a atual – e desvaforável – conversão direta.

Modelo não tem qualquer previsão de vir ao Brasil. Na Europa custa cerca de 5 mil Euros, valor quase convidativo considerando a realidade local

Naturalmente, não há qualquer previsão da novidade vir ao Brasil, afinal a Yamaha não comercializa nenhuma sport heritage por aqui. Sem clássicas, sem custom, nem as XSR, tampouco as XVS. Além disso, as pequenas MT não fazem parte do lineup da marca no país, o que dificultaria o processo de desenvolvimento de uma XSR de entrada, seja a 155 ou a nova 125. O que nos resta é admirar o que há em outros mercados…

Post a Comment